[ Todas as peças são da autoria de JOANA CAETANO. Não use os conteúdos do blog sem autorização do autor. Por favor NÃO COPIE. Obrigada.]

translate

Perguntas vs Respostas

Sobre os workshops de bordado surgem naturalmente algumas perguntas. 
No caso do "bordado pelos colarinhos" têm surgido algumas dúvidas e por isso, este post dedica-se a responder às principais.
Se quiserem colocar mais questões, deixem uma mensagem na caixa dos comentários, que eu respondo!


- Tem de ser uma camisa/blusa? 
A ideia é ser uma peça de roupa, pois vais aprender onde e como podes fazer remates, quais os locais mais fáceis e difíceis de bordar e ainda suportes a usar (bastidores, cartões) . Normalmente os colarinhos, bolsos e punhos são os mais fáceis, daí a escolha da camisa. Pode ser de ganga, algodão, linho,  ou outro material, desde que não tenha elasticidade.

- Não tenho nenhuma camisa, pelo menos lisa. Mas quero fazer o workshop!
[ok, isto não é uma pergunta, mas eu respondo - com uma pergunta]
Já viste nas lojas de roupa em segunda mão? As minhas são todas em segunda mão e algumas de homem.

- Posso levar uma camisa do meu filho? 
Claro que sim! Deves aproveitar para fazer exactamente o que te apetece. Podes fazer uma surpresa a alguém. É para isso que serve este workshop.

- Bordado pelos colarinhos? E se eu quiser bordar um bolso?
Bordado pelos colarinhos é o nome do workshop que surgiu da expressão "agarrar pelos colarinhos".
Óbvio que se preferires bordar qualquer outra parte da peça de roupa que escolheste trazer para o workshop, estás à vontade. Mas não te estiques,  porque o workshop só dura uma tarde e o tempo voa, a sério que voa!

- Posso levar um desenho meu ou por exemplo do meu filho?
Podes e deves trazer ideias, desenhos, o que quiseres. E se não tiveres nenhuma ideia, também não há problema!

- E uma frase, posso bordar?
Claro que sim.

- E um gato como aquele da Hiroko Kubota?
[risos] boa sorte...

- Já frequentei o bordado 1 e o bordado 2. Vou aprender alguma coisa nova neste workshop?
Depende do teu projecto. Mas sinceramente, até se torna uma vantagem, pois (em principio) não terás tantas dificuldades. O interessante aqui, é que bordas uma coisa que vai ter utilidade práctica imediata. Estamos sempre a aprender.

- Não quero bordar, não tenho paciência nenhuma para isso. Podes bordar a minha camisa?
Sim, claro. O preço mínimo são 50 euros. Depende da dificuldade/quantidade de bordado. Manda mensagem e acertamos isso tudo!

1 comentário:

Joana Caetano disse...
Este comentário foi removido pelo autor.